Valores e Projecto Educativo IPN

O IPN surgiu em 1999 com um projecto educativo muito bem definido assente no paradigma da saúde como condição essencial da felicidade.

A nossa ambição será levar, ao maior número de pessoas, a alegria de viver saudável.

Para tal, torna-se necessário que os seus elementos – pessoas físicas ou coletivas – saibam e conheçam a forma de bem-estar. A felicidade de se ser saudável necessita de um trabalho incansável de formação, investigação, dedicação e comunicação.

Apelamos a alguns dos valores que consideramos como referenciais deste projeto educativo:

Traduz-se na máxima de que qualquer método de intervenção em saúde não deve, em primeiro lugar, causar qualquer dano.

Significando isto que todo o nosso trabalho deve ter como objetivo criar bem-estar do indivíduo e da sociedade.

Todas as entidades públicas ou privadas que possam ser uma mais valia para este projeto serão bem-vindas. Preconizando e apostando nas competências individuais e na meritocracia, este projeto incentiva todos os envolvidos à união de esforços.

Num mundo de grande mudança há que ter capacidade para inovar e adaptar às novas exigências e aos novos desafios, cada vez mais difíceis, quando se fala em saúde das populações.

O fomento e desenvolvimento da atividade científica é um elemento essencial da estrutura da nossa instituição.

História IPN

  1. 1999 – Ano de Fundação do IPN

    - É fundado o Instituto Português de Naturologia (IPN) como entidade formadora na área da Medicina Natural, tendo-se verificado a sua apresentação pública na Didáctica, em Maio, na Exponor, Porto. O IPN surge inserido numa estrutura mais ampla  a SEMT - SOCIEDADE EUROPEIA de MEDICINAS TRADICIONAIS, sua entidade instituidora e mantenedora. - É apresentado, publicamente, o Projecto IPN, como um projecto inovador na área da saúde natural. Início dos cursos de Medicina Chinesa, Naturopatia, e Toque Terapeutico. - Celebração do protocolo com A Escuela Superior de Técnicas Parasanitárias (ESTP) e Associação Médica Chinesa. - Abertura da primeira Clínica IPN: Centro Hipócrates de Terapias Naturais.
  2. 2000 – Desenvolvimento e Implementação de novos Cursos e Clínicas

    - Abertura de novas edições de cursos já abertos e novos cursos: Massagem, Iridologia, Reflexoterapia, Tui-na. - Abertura da segunda clínica IPN: Foz Vital- Clínica de Bioterapias e Longevidade. - Definição de quatro Departamentos na Estrutura IPN: Departamento de Ciências da Vida, Departamento da Medicina Chinesa, Departamento de Técnicas Manuais e Departamento de Estudos Especializados. - Pedido, junto do INOFOR, de reconhecimento como entidade formadora acreditada. O IPN, atendendo que era a primeira entidade, nesta área, a solicitar a sua certificação, trabalhou em colaboração com o então INOFOR e delineou os requisitos essenciais para a certificação nesta área.
  3. 2001 – Introdução de novos cursos convidando especialistas estrangeiros

    - Convidados os professores Armando Aflallo GinardJoan Martínez GuijarroA. Torti e Enrique S. Bascunana para os cursos de Análise da Gota de Sangue- HLBO, Oligoterapia, Fitoterapia Aplicada e Fitoligoterapia, Aromaterapia. - Iniciaram-se outros cursos de longa duração: Ortomolecular de Acordo com o Grupo Sanguíneo, Auriculoterapia, Shiatsu.
  4. 2002 – Abertura de Novos Cursos

    - Abertura de novos cursos: Reflexoterapia, Monitor de Chi Kung, Termoterapia, Drenagem Linfática, Imagiologia.
  5. 2003 – Ano de Consolidação

    - Consolidação dos cursos já a funcionar e preparação de formações em Espanha.
  6. 2004 – Consolidação de Protocolos

    - Celebração do protocolo com a UP Ledger e formação em Terapia Sacro Craniana da responsabilidade da Up Ledger. - Realização do I CONGRESSO:  ENCONTRO DE SAÚDE, VITALIDADE E DESPORTO- MEDICINA NATURAL: O DESAFIO DO SÉC- XXI, em protocolo com a CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. - Realização do HISPAMAS, em Madrid - I Congresso de Massagem, realizado em colaboração com a ESTP, onde estiveram mais de 700 pessoas. - Celebração do protocolo com o Instituto de Formação  Superior em Bioterapias e Homeopatia Europeia. - Celebração de protocolo com a Câmara do Porto, Escolas Superiores de Enfermagem, Juntas de Freguesia (de Nevogilde, por exemplo). - Protocolo com o INEM, o Club PT, etc.
  7. 2005 – Início do Período de Expansão

    - Abertura do Pólo de Braga, com o funcionamento dos cursos de Medicina Chinesa, Massagem, Auriculoterapia, Shiatsu e Reflexoterapia. - Introdução de novos cursos: - Curso de Kinesiologia, com convidado estrangeiro - Manoli daFonte; - Curso de Lesões Desportivas da responsabilidade de Vasquez Gallego; - Curso de Osteopatia; - Curso Geotermal; - Curso de Técnico Especializado em Atendimento. - Realização do II CONGRESSO DE MEDICINA NATURAL NA VIDA E NO DESPORTO- TRATAMENTO E PREVENÇÃO NA DOR, em Protocolo com a CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. - No fim do ano , realização do I CONGRESSO. “DOR- ABORDAGEM MULTIDISCIPLINAR”, No Auditório do Parque Biológico de Vila Nova de Gaia, em parceria com a ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM SANTA MARIA.
  8. 2006

    - Abertura do Pólo de Ovar em protocolo com a Sta Casa da Misericórdia, com os cursos de Massagem, Medicina Chinesa, Auriculoterapia e Reflexologia. - Abertura da terceira clínica IPN: Braga Vital- Clínica de Bioterapias e Longevidade. - Realização de novos cursos: Ionocinesis, Geotermal, Ligaduras funcionais, Tuina Pediátrico, Programação Neurolinguística, Craniopunctura. - Realização do III CONGRESSO MEDICINA NATURAL NA VIDA E NO DESPORTO: PATOLOGIAS MÚSCULO-ESQUELÉTICAS, em Protocolo com a CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. - Realização do Curso de Geotermal, Hidroterapia. - Conferência organizada pelo IPN sobre Fitoterapia Chinesa, no Hotel Ipanema com o convidado  DR. SEAN TUTEN.
  9. 2007

    - Abertura do Pólo de Coimbra com cursos de Medicina Chinesa, Massagem, Auriculoterapia, Shiatsu e Reflexoterapia. - Abertura da quarta clínica IPN, em Ovar, em protocolo com a Santa Casa da Misericórdia. - Realização de cursos em Florais de Bach, Envolvimento em Algas e Chocoterapia e workshop em Taças Tibetanas. - Realização do IV CONGRESSO MEDICINA NATURAL- A MEDICINA NATURAL E O DESPORTO, Protocolo com a CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA. - Realização do I CONGRESSO IBÉRICO DE MEDICINA NATURAL- A MEDICINA NATURAL NOS CUIDADOS BÁSICOS DE SAÚDE, na EXPONOR/NORMÉDICA AJUTEC 2007 , em protocolo de colaboração com a Exponor. - Abertura da quinta clínica IPN: Dr Marcos Blood Diet Clinic - Franchising.
  10. 2008

    - Abertura do pólo de Lisboa com cursos de Medicina Chinesa, Massagem, Auriculoterapia, Shiatsu e Reflexoterapia. - Introdução dos cursos de Estética Natural e Hidroterapia e Técnicas SPA. - Abertura da sexta clínica IPN: Arca D`Água- Clínica de Bioterapias e Longevidade - Abertura da sétima Clínica IPN, em Coimbra: Coimbra Vital- Clínica de Bioterapias e Longevidade.
  11. 2009 – Expansão da Formação para a Empresa e para a Sociedade

    - Este ano o IPN  lançou o serviço IPN INCARE reforçando a  sua intervenção junto das empresas, proporcionando-lhes formação ou prestação de serviços de medicina natural a custo muito reduzido, através do conceito, de empresa saudável (CARE ORGANIZACIONAL). Este projecto consiste em levar a formação IPN às necessidades da empresa, quer fazendo formação aos seus trabalhadores, quer prestando serviços de acordo com as suas necessidades. - Cerimónia de celebração do 10º aniversário do IPN. - Realização do II CONGRESSO IBÉRICO DE MEDICINA- NORMÉDICA – NA EXPONOR. - Participação do IPN na FIL - Feira Internacional de Lisboa, com Congresso na área da Medicina Natural.
  12. 2010 – Diversificação das Formas de Ensino

    - Implementação do sistema de aprendizagem em regime B-learning. Esta modalidade de aprendizagem vai permitir que candidatos afastados dos pólos do IPN possam aceder à formação. - Realização de várias aulas abertas sobre vários temas, nomeadamente Indústria Alimentar e Doenças Degenerativas - Realização de cursos de Kinesiotaping,  Acupunctura Estética, Craniopunctura e Acupunctura Abdominal.
  13. 2011 – Consolidação e reforço da Investigação

    - Realização do III CONGRESSO IBÉRICO DE MEDICINA NATURAL- A MEDICINA NATURAL NOS CUIDADOS BÁSICOS DE SAÚDE, em colaboração com a  EXPONOR. - Realização do Cursos de Indução Miofascial e Aulas abertas sobre Saúde Mental. - Abertura da oitava clínica IPN: Lisboa Vital- Clínica de Bioterapias e Longevidade. - Alteração da designação do Departamento de Estudos Especializados para Departamento de Pós Graduação e Investigação. - Criação de um novo Departamento - Departamento de Actividade Física e Saúde, introduzindo, na estrutura do IPN, uma nova vertente e área de conhecimento: actividade física como promotora e impulsionadora da saúde, bem estar e longevidade, num conceito de wellness e active aging. Esta alteração vem reforçar o projecto IPN no seu sentido embrionário: apostar na formação, na especialização e na investigação em todas as áreas que possam desenvolver a saúde e o bem estar do indivíduo.
  14. 2012 – Uma estrutura em movimento

    - Criação de um novo Departamento - Departamento de Ciências da Consciência dar resposta a uma nova vertente, na área da saúde, a conciliação da mente com o espírito e com as emoções. Vão iniciar-se vários cursos na área do controlo e desoberta da mente, da partilha das emoções. - Inauguração, em Outubro, de um novo site, com mais dinamismo - Início do projeto IPN EM MOVIMENTO - SAÚDE ESCOLA que visa levar a saúde natural às escolas, com o laçamento de um consurso junto das escolas secundárias no sentido de premiar os mais dotados para a natureza e para o cuidar , naturalmente, a saúde Há reforço da Investigação com lançamento de cursos de pós graduação, publicação de artigos e papers de investigação, realização de novos protocolos. Desta forma, pretendemos que a nossa área formativa seja o mais abrangente em matéria de áreas que possam contribuir para o bem estar e a felicidade do indivíduo, na sua vertente terapeutica: o equilíbrio físico e emocional, na medida em que ambos se interagem, na busca da perfeita harmonia. É esse o nosso objetivo. IPN LISBOA Formação de Oligolementos - 04 de Fevereiro de 2012 Consultas de Iridologia - 18 de Fevereiro de 2012 Formação de Eletroacupuntura - 25 e 26 de Fevereiro de 2012 Concerto de Taças Tibetanas - 10 de Março de 2012 Seminário de Geotermal - 09 e 10 de Abril de 2012 Formação de Kinesiotaping - 19 e 20 de Maio de 2012 IPN PORTO Curso de Indução Miofascial - Nível I - 04 e 05 de Fevereiro de 2012 Seminário de Pós-Graduação em MTC: Craniopuntura - 24 e 25 de Março de 2012 Seminário de Pós-Graduação em MTC: Cardiologia - 02, 16, 23 e 30 de Abril de 2012 Seminário de Geotermal - 10 de Abril de 2012 Curso de Indução Miofascial - Nível I - 14 e 15 de Abril de 2012 Seminário de Modelação Corporal - 15 de Abril de 2012 Curso de Tratamento da Charneira Cervico-Ocipital - 05 e 06 de Maio de 2012 Seminário de Florais de Bach - 02 a 16 de Maio de 2012 Apresentação do Livro "Auto Defesa Energética" - 19 de Maio de 2012 Seminário de Pós-Graduação em MTC: Acupuntura Abdominal - 26 e 27 de Maio de 2012 Aula Aberta "Hipnose Clínica" - 22 de Junho de 2012 Seminário de Pós-Graduação em MTC: Psiquiatria - 29 e 30 de Junho de 2012 Workshop de Sabonetes com Aromaterapia - 30 de Junho de 2012 Aula Aberta "A Verdade Escondida no Corpo" - 23 de Novembro de 2012 Seminário de Pós-Graduação em MTC: Acupuntura Estética - 24 e 25 de Novembro de 2012 Curso de Reiki - Nível I - 09 de Dezembro de 2012 Curso de Reiki - Nível I - 16 de Dezembro de 2012 IPN COIMBRA Evento “Um dia pela sua Saúde” em Vil de Matos - 25 de Novembro de 2012
  15. 2013

    Em 2013 o IPN continuou a desenvolver e apurar a formação, criando novos cursos como Kinesiologia e outros. Participou em Exposições Nacionais e Internacionais, organizou com a ESTP, em Vigo, o HISPAMAS VIGO2013, em Outubro de 2013 e envolveu-se na discussão da Proposta de Lei nº 111, que visava alterar a Lei nº 45/2003, de 22 de Agosto. Foi Co-fundadora da Federação Nacional de Escolas de MTCA- TNC, por escritura de 15 de Março de 2013. O IPN foi  um elemento muito ativo no debate e nos trabalhos preparatórios da atual Lei nº 71/2013, de 2 de Setembro.
  16. 2014

    Em Janeiro de 2014 , os Profs. Doutores M.  Manuela N. Costa Maia Silva e António Marcos foram  indigitados pela  ACSS , junto do Ministro da Saúde, como elementos do Conselho Consultivo para a TNC, previsto nos arts. 17 e 18 da Lei nº 71/2013, de 2 de Setembro. Já em 2014 vão iniciar cursos de Massagem Tradicional Tibetana – Ku-Nye, Astrologia, Consciência Alimentar, etc.
  17. 2015

    Em 6 de Junho realizou-se o Jantar de Gala dos 10 anos do pólo de Braga. Em 5 de Junho foram publicados, alguns dos diplomas normativos que faltavam, ralativos aos palanos curriculares das Terapias Não Convencionais (TNC), nomeada mente Nturopatia, Fitoterapia, osteopatia, Quiropráxia e Acupuntura. Ficaram por publicar os planos curriculares de Medicina Tradicional Chinesa e Homeopatia, bem como a legislação que prevê um regime de transição para adaptação dasinstituições que, neste momento, lecionam as TNC's, nos termos do nº6 do artª 19 da Lei nº 71/2013, de 2 de Setembro. O conteúdo das portarias publicadas, transcreveu, de forma generalizada, as propostas que foram apresentadas pela comissão indigitada para a regulamentação. Relativamente aos pedidos de cédula e registo profissional, a ACSS disponibilizou, a 12 de junho, a plataforma informática que permitiu o registo online dos profissionais. Face a este circunstancialismo excepcional reinante, o IPN decidiu manter abertas as inscrições para o 1º ano de todos os cursos, mesmo os regulamentados (TNC) aguardando a publicação da legislação que prevê, nos termos do nº6 do artª 19 da Lei nº 71/2013, de 2 de Setembro, um período de adaptação até 5 anos às instituições que lecionam, neste momento,a s TNC's. O IPN fará todos os ajustes que forem necessários para cumprimento da legislação que sair. Entretanto foram abertos novos cursos de menor duração, para dar resposta às solicitações: Ciências Naturopáticas, Dieta e Gastronomia Mediterrânica, Cozinha Natural, etc. Foi celebrado um Acordo de Cooperação Académica entre o IPN - Instituto Português de Naturologia e a UFP - Universidade Fernando Pessoa - Escola Superior de Saúde, para a definição das linhas estratégicas a nível pedagógico, científico e clínico, das licenciaturas em TNC. O IPN e a UFP- Universidade Fernando Pessoa, celebraram, em setembro de 2015, o ACA - Acordo de Cooperação Académica aplicável quando a UFP vir reconhecidos os seus cursos em TNC, pela A3ES. Este acordo, que ainda está em vigor,  foi divulgado no nosso Comunicado nº 9 /2015, de 5 de Outubro, a todos os alunos e candidatos. Transcrevemos, aqui, para esclarecimento, o que foi referido na altura: «....Pelo seu caráter científico, pedagógico e técnico, este acordo vai permitir, nos termos legais: a) que os alunos do IPN possam continuar e concluir, normalmente, a sua formação e, logo que os planos curriculares sejam aprovados pela A3ES, os alunos e ex alunos poderão, quando quiserem e se quiserem, formular a sua candidatura, junto do IPN, para ingresso na Escola Superior de Saúde da UFP, para obtenção do grau de licenciado; b) reforçar as sinergias mútuas das duas instituições, na fase de inserção destas matérias no âmbito do ensino superior, em prol da partilha e enquadramento da longa experiência do IPN; c) que os alunos e ex alunos do IPN possam beneficiar da sua progressão de estudos, para a obtenção do grau de licenciado, nos termos do Regime Jurídico dos Graus e Diplomas do Ensino Superior, com o reconhecimento da elevada qualidade da formação ministrada, ao longo destes anos, pelo IPN; d) que esta formação de, caráter profissional, seja convertida em créditos académicos ECTS e a sua creditação para efeitos de ingresso ; e) cooperação no ensino das TNC, com intercâmbio e mobilidade dos docentes entre as duas instituições; f) creditação, pela experiência profissional, aos ex alunos do IPN que façam prova da mesma, na área a que se candidatam e até ao limite de um terço do total dos créditos do ciclo de estudos, nos termos legais; g) uma análise adequada e individualizada do cumprimento dos requisitos, por parte de cada aluno, para ingresso ao ensino superior para obtenção da licenciatura em TNC. Cada candidatura será analisada à luz das exigências legais e tendo em conta o curriculo do aluno».
  18. 2016

    A 2 de Junho, no seguimento do projeto educativo do IPN, assente na responsabilidade social e comunitária, defendendo o empenho de todos, individual ou coletivamente, numa saúde pelos meios naturais, foi alargado o âmbito da formação a áreas que, todos nós, consideramos como essenciais intervir: as crianças, os jovens e os mais fragilizados, nomeadamente pessoas com idade mais avançada. Neste contexto, conforme decisão da DGERT, que se anexa, comunica-se que o IPN mereceu aprovação, sem limitações nem restrições, para a realização de formação em duas novas áreas: 761 - serviço de apoio a crianças e jovens e 762 - Trabalho Social e orientação. Entendemos e sempre defendemos que a medicina natural não poderá esgotar-se nas boas práticas dos cuidados individuais de saúde. Abrange e exige, também, uma atuação de responsabilização com tudo o que nos rodeia: os animais, as coisas e a natureza no seu todo. Este trabalho vai merecer o empenho de todos e faz parte da nossa determinação como projeto não só educativo, mas como uma forma de vida. Toda a estrutura IPN se irá empenhar para intervir na modificação de posturas individuais e coletivas que possam contribuir para uma maior qualidade de vida e um maior respeito pela natureza que nos rodeia.
  19. 2017

    O IPN continua a ter uma voz ativa no reconhecimento da formação em TNC, em Portugal e apoiou a manifestação realizada pela UE- União de Estudantes e MC - TNC - Movimento Cívico das TNC, no dia 4 de abril de 2017, junto da AR, com vista a apoiar a Petição Pública que solicita a intervenção da AR na alteração do artº 19º Lei 71/2013, de 2 de Setembro, no sentido de «Prorrogar o prazo para aplicação do regime transitório de atribuição de Cédulas Profissionais nas profissões no âmbito das terapêuticas não convencionais». Entretanto tem estado presente em reuniões com os grupos parlamentares, por via da FNE - Federação Nacional das Escolas das TNC, no sentido de produzir um diploma regulamentar do regime transitório das escolas das TNC, nos termos da Lei nº 71/2013, de 2 de Setembro. O IPN, como membro fundador da FNE - Federação Nacional de Escolas MTCA (TNC,) tem desenvolvido muito trabalho junto dos orgãos legislativos, Assembleia da República, Ministério da Educação e outros organismos, para que a regulamentação seja feita de forma justa e responsável. Deu entrada, no passado dia 10 de Julho de 2017, uma proposta de legislação contemplando e tutelando os direitos de todos os diplomados pós 2013, bem como os atuais alunos das escolas de TNC, legalmente constituídas. O IPN apoiou a apresentação da Petição Pública com cerca de 15000 assinaturas, subscrita pela APSANA, juntamente com o Movimento Cívico das TNC e a União de Estudantes das TNC (UE-TNC), com a temática - “Prorrogação do Prazo para Aplicação do Regime Transitório de Atribuição das Cédulas Profissionais, nas Profissões das TNC, foram apresentadas e aprovadas, na passada sexta-feira, dia 27 de Outubro, 2017, na AR, 3 propostas legislativas, uma do PAN, outra do Bloco de Esquerda e outra do CDS-PP que desceram à Comissão de Trabalho e Segurança Social para se consensualizarem posições.
  20. 2018

    Apostar na maior comunicação da Medicina Natural junto da sociedade: Lançamento do novo site do IPN e das Clínicas Vital, uma nova imagem, mais interativa e informativa de forma a conseguir dar uma resposta mais eficaz às enormes solicitações da sociedade. Abertura a novas parcerias, nomeadamente com o Ministério da Defesa, Serviços Sociais da Câmara de Lisboa, reforço do IPNinCare (Care Organizacional). Ano que se destina ao reforço da intervenção da estrutura IPN e suas Clínicas no paradigma da saúde. IPN - Uma história a construir...

Projetos Sociais IPN

O IPN, em colaboração com o Rotary Club e a paróquia de Ramalde (Freguesia do Porto) tem, ao longo deste ano de 2011, dado apoio terapeutico a todos os paroquianos que necessitem, reallizando consultas, todas as quartas e sextas à tarde, entre as 16h e as 19h, nas instalações da paróquia. Tem sido um trabalho muito apreciado, quer pelos pacientes, para quem os tratamentos têm tido resultados extraordinários, quer pelos responsáveis pela paróquia , que vêm o grande apoio que está a ser dado à população. De louvar, ainda, o excelente trabalho, profissionalismo e empenho dos alunos e da docente orientadora deste projecto, Dr Paula Cavalheiro.

O IPN, durante todos os anos, tem realizado apoio aos viajantes e peregrinos que se dirigem a Fátima. Nos anteriores anos, esse apoio tem sido prestado com actividade terapeutica e material. Este ano criaram-se unidades de trabalho em vários pólos que apoiaram, ao longo da estrada, estes viajantes com vários tipos de terapias e material.

O IPN realiza, com o serviço de Onco -Hematologia, uma parceria de colaboração, totalmente gratuita, de apoio na área do risco, stress e desgaste emocional. Este trabalho visa estudar novas formas de apoiar os profissionais de saúde que, dadas as exigências das suas funções, necessitam de estar sempre preparados para intervir e da melhor forma. São realizadas sessões de trabalho e esclarecimento na área do Do IN, técnicas de auto- relaxamento, etc.

No dia 28 de Outubro 2011, O IPN, em colaboração com a Câmara Municipal de Matosinhos, a Divisão de Promoção Cívica: Juventude, Voluntariado e Desporto da Câmara Municipal de Matosinhos e a Casa da Juventude de Santa Cruz do Bispo, vai levar a cabo uma ação que visa aproximar dos jovens e do público em geral , outras formas de abordar a saúde. Pretende-se que ao longo do dia, os jovens das escolas acedam ao local, onde poderão encontrar entidades, instituições, centros de estudo, etc, que estudam e/ou aplicam estas ciências no seu trabalho. Várias equipas de formadores e alunos do IPN vão estar presentes.

Estrutura

Parceiros

SEMTDistribuição
Sociedade Europeia de Medicinas Tradicionais, Distribuição, é uma empresa de representação de Nutracêuticos, Medicina Ortomolecular e AntiAging, Fitoterapia e que representa alguns dos mais representativos laboratórios nestas áreas, como os Douglas Laboratories. Os alunos do IPN poderão auferir preços especiais dos produtos comercializados pela SEMTD.

Clínicas Vital
Clínicas de Bioterapias e Longevidade.
São clínicas associadas à escola IPN e onde os alunos IPN estagiam, nas várias áreas da medicina natural.

Blood Diet Clinic
Nutrição ortomolecular de acordo com o Grupo Sanguíneo. Trata-se de um Franshising sobre um método de tratamento muito implementado em clínica, com resultados excepcionais e que assenta todo o seu trabalho na base da Nutrição Ortomolecular.

Câmara Municipal de S. João da Madeira
O IPN em colaboração com a CMSJM realizou vários congressos de Medicina Natural, destinados ao público, onde foram abordadas as temáticas do desporto e dos cuidados básicos de saúde.

ESTP – Escola Superior de Técnicas Parasanitárias
A ESTP conta com vários centros em Espanha (Madrid, La Coruña, Sta Cruz de Tenerife, Leon, Valladolid,
Vigo , Gijón) e constitui a extensão e representação do IPN, em Espanha, em cooperação pedagógica e administrativa.

KonceptEvidence
Empresa de comercialização, via internet, de suplementos alimentares, nutricêuticos e nutrigenómicos, de gama premium, destinados a prescrição profissional, permitindo colaborar com condições especiais para os nossos diplomados.

amc

Associação Médica Chinesa
Está integrada na OMS e, o IPN juntamente com a ESTP têm o exclusivo de organizar cursos na China, para os seus alunos. Os nossos alunos poderão participar nestes cursos organizados em Beijing.

Junta de Freguesia de Nevogilde
No intuito de criar uma abertura da Foz Vital a toda a comunidade da zona da Foz, foi celebrado um Protocolo entre a Junta de Freguesia de Nevogilde e a Foz Vital – Clínica de Bioterapias e Longevidade para que os residentes possam ter descontos especiais nos tratamentos realizados na clínica.

INEM: Instituto Nacional de Emergência Médica
Esta parceria consiste na realização de cursos na área das técnicas básicas de emergência e do suporte básico de vida, certificados pelo INEM e que se realizam nas instalações do IPN.

Sindicato Nacional e Democrático dos Professores
Foi celebrado em 11 de Novembro de 2002 um protocolo com o SINDEP dando especiais descontos aos seus associados.

Stª Casa da Misericórdia de Ovar
Entidade de reconhecido mérito que desenvolve a sua actividade na área da interacção social, com apoio social e clínico junto das comunidades.

Clube PT
O protocolo com o Club PT – Portugal Telecom.

cmp

Câmara Municipal do Porto
O Instituto Português de Naturologia, em colaboração com a Câmara Municipal do Porto, tem realizado várias atividades, nomeadamente de apoio ao desporto e informação na área da saúde, de forma a sensiblizar a população da importância dos cuidados a ter para com a saúde.

Associação Europeia de Profissionais de Saúde Natural (APSANA)
Trata-se de uma associação de terapeutas que visa desenvolver, dignificar e incrementar as boas práticas no tratamento natural e na actividade profissional.

Upledger Institute International
A parceria do IPN com a Upledger permite a esta realizar os seus cursos no IPN, com vagas reservadas para os alunos do IPN.

HFBBioenergetik
Centro Alemão de Formação em Bioenergética Aplicada e Terapias Holísticas realiza algumas das suas formações no IPN.

Automóvel Club de Portugal
O IPN e o ACP celebraram um acordo de parceria com o intuito de potenciar as valências de cada uma das partes, gerando benefícios mútuos, quer no âmbito da dinamização das suas actividades, quer nas contrapartidas que possam ser criadas para os associados do ACP ou para os colaboradores e alunos do IPN.

Rotary Club Porto Foz
Esta parceria visa apoiar as iniciativas do Rotary Club além de incrementar e criar condições especiais aos moradores da zona da Foz- Porto que estejam envolvidos nestas iniciativas do Rotary Club.

Bwizer
O protocolo entre o IPN e a Bwiser visa permitir que os alunos que terminam a sua formação em Acupunctura possam aceder à formação no IPN em regime especial.

MYOS
Esta parceria visa divulgar, junto da associação, informação e prestação de serviços de saúde que possam ajudar no tratamento e controlo da patologia.

Foramplus
O protocolo entre o IPN e a Foramplus visa permitir que os alunos que terminam a sua formação em Acupuntura possam aceder à formação no IPN em regime especial.

Universidade Fernando Pessoa – Escola Superior de Saúde – UFP
O protocolo entre o IPN e a UFP vai permitir, aos alunos do IPN, que reúnam as condições legais, aceder à UFP, quando esta abrir vagas para as suas licenciaturas em TNC.

CIMN
Centro de Investigação em Medicina Natural desenvolvem esforços conjuntos na investigação, estudo e desenvolvimento de terapêuticas que possam ser uma mais valia para a melhoria da saúde dos indivíduos e da sociedade.

Ministério da Defesa Nacional
Foi celebrado em 1 de Outubro de 2017 um protocolo com o MDN dando especiais descontos aos seus associados.

APJOF

Associação Portuguesa de Jovens com Fibromialgia
Foi celebrado em dezembro de 2017 um protocolo com a APJOF dando especiais descontos aos seus associados.

OPORTO House

Scented – Oporto house (FavoritaAcrópole)

Empresa de gestão imobiliária que cede ao IPN o espaço de Santos Pousada mediante reserva.

logo

Câmara Municipal de Santarém
Foi celebrado em 2015 um protocolo com a CM Santarém como o objetivo de promover o sucesso educativo em toda a comunidade.

image133

Centro de Investigação Joaquim Veríssimo Serrão (CIJVS)
Foi celebrado um protocolo com o CIJVS o que visa estreitar as relações de cooperação e intercâmbio entre as instituições, ambas beneficiarão de ações de colaboração nas atividades a que se dedicam.

logotipo-meltimalon

Melti Malon
O IPN celebrou um protocolo com a Melti Malon com o objetivo de conciliar sinergias comuns de apoio aos seus colaboradores/alunos e associados. Desta forma, o IPN concederá descontos especiais aos associados da Melti Malon e esta disponibilizará condições especiais  em serviços de Saúde, Estética e Bem – estar, Spas, Ginásios, Viagens e Turismo, Hotéis e Restaurantes e Medicina Veterinária e um variado leque de opções à medida das necessidades dos colaboradores e alunos do IPN.

casapovoabrunheira_logotipo

Casa do Povo de Abrunheira
A Casa do Povo de Abrunheira é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), sediada na União de Freguesias deAbrunheira, Verride e Vila Nova da Barca, concelho de Montemor-o-Velho. Presta apoio à população idosa residente nas instalações e à comunidade da região, dando resposta às necessidades de cada pessoa. Desta forma, esta parceria visará potenciar o contributo do IPN para a promoção da melhoria da qualidade de vida dos utentes, prevenindo a perda rápida de funções, possibilitando a autonomia e bem-estar.

Forma & Animus

Forma & Animus
O IPN celebrou uma parceria com a Forma & Animus, Animação e Formação Profissional, que vai permitir dar resposta formativa às muitas solicitações que temos tido de candidatos, na zona do Algarve. A formação vai decorrer  em Portimão e já estão a ser agendados os primeiros seminários e cursos de curta duração. Estejam atentos. Daremos novidades!

Habitat Saudável
Em Medicina Natural temos como certo que o meio ambiente determina a nossa saúde. Se cuidamos do nosso corpo e da nossa mente, temos de nos preocupar, também,  com a nossa casa. Foi neste sentido que se celebrou, no passado dia 14 de setembro de 2018, um protocolo entre o IPN e a Habitat Saudável – Consultoria, Arquitetura e Decoração, com vista à formação e consultoria dos espaços habitacional e empresarial.